O Departamento Jurídico da Abeetrans, comandado por Flavia Rappatoni, reuniu hoje na sede da associação os advogados das empresas associadas para discutir a Portaria 544, do Inmetro. As alterações definidas pelo Inmetro, embora bem vindas, não podem ser implantadas pelo parque industrial brasileiro no prazo determinado pelo órgão. Os advogados decidiram recorrer à Justiça para garantir prazo exequível para efetivar as mudanças técnicas. A reunião foi coordenada pelo presidente Silvio Médici.